BEM-VINDOS

Obrigado pela sua chegada; não se esqueça que é de AMOR AGAPIANO* que essencialmento poeto, também erótico quando a propósito de algumas circunstâncias episódicas nas mais diversas proporções. Como estou avança(n)do no tempo, não se escandalize, porque o que é preciso erradicar do Mundo é o preconceito secular, topo onde está preponderantemente a regressão da Humanidade neste percurso da condição humana, nem sempre adequada ao futurecer* do Homem, albergado corporalmente neste Planeta, sem saber com precisão, na generalidade, onde está a sua/nossa Alma. [ Obs. os astericos* assinalam dois neologismos da nossa Língua ].

Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Ir ao Circo - Daniel Cristal


Hoje apetece-me ir ao circo cheio,
Ver leões como estivesse em Moçambique,
Ver o burro tremelique que escouceia,
Cavalo lusitano troteando a pique.

Apetece-me ver corpos artísticos,
Acrobatas no espaço a piruetar,
Seus gestos elegantes e algo místicos
A desafiar o abismo sem pestanejar;

Ver macaco e elefante ajoelhado
Para ser aclamado pela gente,
Ver palhaço pobre humilhado
Pelo palhaço rico que lhe mente.

E aguardo ansioso a volta que o pobre dá
ao texto zombeteiro e vaidoso;
E rio-me da pobreza de quem está
A julgar que ser rico é ser ditoso.

1 comentário:

Efigênia Coutinho disse...

Ir ao Circo - Daniel Cristal
Seus versos de hoje , até me deram uma
inspiração para escrever, pois o Circo,
sempre será o Maior Espetáculo da Terra.
Eu fui muito a circos, e adorava me sentar na
primeira fila, e ficar perto do picadeiro,
onde o chão, quase sempre era de terra
batida.
Deixo meus versos, eles não falam de circo,
mais falam do MUNDO!

MUNDO
Efigênia Coutinho

Na grandeza deste mundo
tivesse eu o dom de zelar,
com sonhos faria adornar
alamedas de Amor infindo..

Fatias do luar iria trazer
para enriquecer com nobreza,
colorindo os sonhos de beleza
e cânticos enluarados colher!

Com um manancial de flores
faria colorir os corações,
bordando um arco-íris de cores.

O céu celeste deixaria ficar
relembrando o Mundo presente
Deus que vive omnipotente!...

Fevereiro 2009