BEM-VINDOS

Obrigado pela sua chegada; não se esqueça que é de AMOR AGAPIANO* que essencialmento poeto, também erótico quando a propósito de algumas circunstâncias episódicas nas mais diversas proporções. Como estou avança(n)do no tempo, não se escandalize, porque o que é preciso erradicar do Mundo é o preconceito secular, topo onde está preponderantemente a regressão da Humanidade neste percurso da condição humana, nem sempre adequada ao futurecer* do Homem, albergado corporalmente neste Planeta, sem saber com precisão, na generalidade, onde está a sua/nossa Alma. [ Obs. os astericos* assinalam dois neologismos da nossa Língua ].

Pesquisar neste blogue

domingo, 19 de abril de 2009

Ambiguidade - Daniel Cristal


Amai-vos uns aos outros, disse Cristo!
Frase velha, mais nova que a cultura...
Porque a cultura é outra, menos pura,
e o homem insiste em não ver isto.

Insiste na ganância, no sucesso,
e quer ser superior por modos tortos,
tortos e tortuosos com esforços
de meter no redil os mais ingénuos.

Amai-vos uns aos outros, chave santa,
frase ambígua, engodo e artimanha
para meter na cerca o rebanho...

Se Cristo aqui voltasse hoje em dia
e repetisse igual apologia,
outra vez a via sacra subiria!

2 comentários:

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá Daniel! Realmente, hoje a cultura não está menos pura, está podre. Para os homens, pouco importa se para conseguir algo, tenha que pisar, massacrar, ou mesmo matar o seu semelhante. O "Amai-vos uns aos outros", lamentavelmente, não existe mais, ou, quem sabe, nunca existiu.

Adorei, muito profundo. Parabéns.

Abraços,

Furtado.

Francisco Vieira disse...

Ola Amigo
Ha muito que nao lia algo tao certeiro como este seu maravilhoso Soneto...
Continuacao de um bom Domingo e um grande abraco
Obrigado por seguir o meu blog
Francisco