BEM-VINDOS

Obrigado pela sua chegada; não se esqueça que é de AMOR AGAPIANO* que essencialmento poeto, também erótico quando a propósito de algumas circunstâncias episódicas nas mais diversas proporções. Como estou avança(n)do no tempo, não se escandalize, porque o que é preciso erradicar do Mundo é o preconceito secular, topo onde está preponderantemente a regressão da Humanidade neste percurso da condição humana, nem sempre adequada ao futurecer* do Homem, albergado corporalmente neste Planeta, sem saber com precisão, na generalidade, onde está a sua/nossa Alma. [ Obs. os astericos* assinalam dois neologismos da nossa Língua ].

Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 16 de julho de 2012


HÁ UM FIO DIVINO
Daniel Cristal

Há um fio divino a atar a alma ao corpo
Nesta vida precária e peregrina
- Quantas vezes dizemos que é a sorte
Que ampara a duração da nossa vida!

Às vezes questionamos o destino
Revelado como é nesta existência
E somos assombrados por um hino
Que nos traz uma nova consciência

Somos hoje o que fomos no passado
- Que a amargura não prenda o percurso
Até ao fim do tempo programado!

E que a náusea inspire um outro curso
Ou renove a criação sem esta dor
Que é ver a fé morrer com certo horror…

2012

.

2 comentários:

Graça Pereira disse...

Um poema místico, à procura do nosso princípio e da fé que nos liga ao Divino... Belissimo.
Parabéns
Graça

Nina Filipe disse...

Não sei mas acho que esta é a primeira vez que venho aqui, vi e escutei todos os vídeos li o último poema e fiquei maravilhada com tudo.
Se foi a primeira de certo que não será a última, se Deus o permitir voltarei mais vezes, porque eu acho que este blogue deveria de ter mais visitas e mais comentários, se no palco os artistas o seus pagamentos são as palmas, eu penso que aqui o pagamento sem obrigação; serão os comentários e, aqui?
Que bem merecidos, beijinhos de luz e muita paz.